15.3.08

Watsu

O Watsu chegou à minha vida por um acaso... Não fui eu que procurei. Aliás, desconhecia a sua existência e, consequentemente, o seu significado. Até que, num belo dia, o Watsu surgiu na minha vida e se mostrou aos meus olhos sob a perspectiva de um curso de Watsu Basic, corria o ano de 2003. Era um curso novo para mim e estava relacionado com a água, o meu meio.
O grupo de alunos era pequeno e fantástico e a professora era a alma que me mostrou o Watsu e que, até hoje, me ensina e me inspira.
Adorei a experiência! Foi uma sensação única que se prolongou por três dias, os dias em que decorreu o curso. A partilha era total, almoçávamos e jantávamos todos juntos, oferecíamos e recebíamos sessões de Watsu uns dos outros.
Depois dessa experiência passaram alguns anos em que não fiz mais formação e a prática era muito reduzida. Ficava muito aquém do que seria de esperar.
Só em 2006 tive oportunidade de regressar à formação e ao prazer que é dar e receber uma sessão de Watsu. Desde essa altura, tenho tentado fazer formação todos os anos.
Hoje sei que o Watsu chegou à minha vida para me tornar uma pessoa melhor. Tem sido um processo demorado e difícil... mas acho que tem dado os seus frutos.
Aos poucos, tenho conseguido apresentar o Watsu aos olhos e na vida de outras pessoas, mais próximas ou mais distantes... tenho tentado que outras pessoas tenham essa experiência que é ser flutuado nos braços de alguém, numa perspectiva tão saborosa e que nos permite ter acesso a tantas coisas dentro de nós mesmos que não temos diariamente...
Sempre que dou uma sessão de Watsu a alguém que nunca teve essa sensação, sinto-me feliz e agradeço ter sido eu a escolhida para essa honra, nessa hora de vida.
Ter alguém nos meus braços é qualquer coisa de fantástico! Poder fazer alguém sentir-se bem consigo mesmo e com o mundo, poder alguém encontrar-se ou perder-se dentro de si mesmo, poder flutuar um corpo que nunca flutuou... traz a alegria ao meu coração e transforma tudo o que sinto num amor incondicional dedicado a essa pessoa em particular durante toda a sessão, mas também dedicado ao universo.
Porque sinto que, nesses momentos, o universo está em movimento e entra numa sintonia em si mesmo.
É por isso que digo que o Watsu entrou na minha vida e me transformou numa pessoa melhor. Cada curso que faço saio com a alma cheia e renovada de sentimentos e de experiências que transformam o meu ser e me fazem achar que cresci. Cada pessoa nova que conheço, cada experiência partilhada, cada sessão oferecida ou recebida, é sempre, MAS SEMPRE, única. Tudo isto deixa marcas em mim e tudo isto me faz ver e sentir de uma forma diferente.
Com o Watsu, descobri sobre mim mesma coisas que desconhecia, em todos os aspectos da minha vida. Aprendi muitas coisas que até então não sabia, não só em relação ao corpo humano, mas também em relação à alma humana. À minha, principalmente.
E depois, poder contar com o estímulo constante e a partilha da Linda (alguém que é muito mais do que uma formadora ou professora de Watsu no mundo), de colegas do Watsu e de amigos que recebem sessões, é maravilhoso!
Como Sereia que considero ser, quero poder ter sempre a força interior e física necessárias para poder dar sessões Watsu por toda a minha vida. É um desejo meu muito profundo e muito sério. Quero poder sempre viver momentos únicos e mágicos na minha e na vida de outras pessoas, como até aqui.
Quero poder sempre dar e receber, poder sempre flutuar e ser flutuada.
A Água na minha vida não é apenas o meu elemento, não é apenas o meu meio, não é somente o meio onde exerço uma actividade profissional, ou onde passo os dias.
Água é aquilo que me constitui, aquilo de que sou feita.
Por isso, a minha partilha é na água, existe porque existe água e o que dou é sempre um pouco de mim.
Porque sou líquida, não sou sólida.
(quem já leu posts anteriores sabe que sou líquida, não sou sólida)
Amanhã, o Watsu vai estar, mais uma vez, bem perto de mim... ou eu vou estar perto da onda, da vibração do universo.

4 comentários:

Pipinha disse...

Amiga kida, tu és LINDAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!
Adorei ler este teu post,e como já te conheço bem, sei que veio de dentro de ti, bem do fundinho da tua alma.
Tu tens um dom especial para o Watsu e eu sei do que estou a falar!!
Tive o previlégio de receber uma sessão de Watsu nos teus braços e foi uma experiência fantástica.
A minha alma elevou-se até às núvens numa viagem espiritual e maravilhosamente relaxante.
E mesmo com o meu corpo tamanho XL :), foste capaz de fazê-lo flutuar, dançar, tocar em todas as articulações e transmitir um calor humano fabuloso e muito bonito dentro d'água!!!
Adoreiiiiiiii!!!!
E tenho um prazer enorme em ser tua AMIGA!!! Porque tens uma beleza interior que valorizo muitoooooo e porque sabes sempre ter um carinho e uma palavra amiga para com os teus amigos!!
Abraçãoooooooo muito apertadinho.
Muitos beijinhos e abanicos coloridos ;)

Pipinha disse...

Amiga, espero que o meeting tenha corrido bem e com muita gente.
Tenho pena de não ter ido, mas não deu mesmo :(
Abraço apertado.

FavaRica disse...

Hummmmmmm! O bom do Watsu da Madrinha.... Está a fazer um aninho, em breve, que me pegaste no teu colo para eu relaxar para o dia D!
E que bom que foi!
É uma experiência única!!!
E tenho de repeti-la... nos braços da Madrinha, que, com escamas ou sem elas, nasceu para ser Sereia...
Beijinho grande!

Nuno disse...

Mais um grande texto Sereia! Deeper and deeper. Faço votos para que todos esses desejos se realizem e rápido. Já agr, aqui fica uma ideia liquida que só reparei agora.. Tlz dê jeito tendo em conta os teus preenchidos horarios. Bjs ** Maio 2-4 Watsu-1,2,3 Supervision and Integration weekend em Viseu c/ Linda **