5.5.08

Depois de ter ido ali... e de já ter voltado

Cheguei ontem à noite de um fim-de-semana muito especial, passado num lugar especial, com pessoas especiais.
Os dias a seguir a qualquer encontro com o Watsu com os círculos, sempre diferentes, que se formam, são sempre... como posso dizer a palavra certa? São sempre mais silenciosos.
Falo pouco. Mas não é um silêncio vazio, é um silêncio cheio.
Desta vez, tal como a Linda disse, o meu corpo deu-me uma prenda: fiquei com dor de ouvidos. Nunca me tinha acontecido. E essa prenda que o meu corpo me deu, fez com que eu não tivesse disponível para receber sessões de Watsu, à excepção do primeiro dia em que ainda não me doía nada.
Por isso, só pude dar.
Mas o Watsu é tão maravilhoso que o facto de ter dado tanto (e foi mesmo muito) me deixou muito feliz no final de cada sessão que ofereci. Foram sessões muito especiais para mim.
Todas são, na realidade.
Mas, desta vez, de facto, dei por mim a fazer a diferença.
Com isto quero dizer que depois de ter oferecido 4 sessões em particular, senti que algo se transformou dentro daqueles seres que eu tive nos braços a embalar e a dançar.
Foi muito especial para mim perceber que o que eu tinha feito foi importante naquele momento e fez com que alguma coisa, dentro ou fora dessas almas, alguma coisa mudou.
Nem que fosse apenas naquele momento, durante a dança na água com a pessoa nos braços.
Foi uma experiência fantástica.
Por outro lado, foi bom verificar que, estando eu impossibilitada de pôr os ouvidos na água e por isso impossibilitada de receber... foi bom ver que quem recebeu de mim, estava disposto a receber o que eu tinha para dar naqueles momentos.
Essa terá sido a minha lição do fim-de-semana. E é o meu maior agradecimento. Porque nem sempre os outros estão dispostos a receber o que nós temos para dar. Eu tive a sorte de ter junto a mim pessoas dispostas a receber. Fico feliz porque me pareceu que tudo quanto dei parece ter dado frutos.
Por isso, regressei de coração cheio.
Por isso, fiquei sem palavras.
De tanto dar, recebi a melhor das prendas: todos receberam.
O Watsu na minha vida ganha cada vez mais uma dimensão que me enche o coração. Que me preenche bastante. É vivido de uma forma tão intensa e tão espiritual que a minha alma se eleva.
Em cada meditação, em cada momento de aprendizagem de mim própria, fico rica em sentimentos e em recordações bem bonitas.
Fico rica de momentos bonitos.
Alguns ficam na memória da pele, outros na memória dos olhos, outros na memória dos ouvidos, outros ainda na memória dos cheiros.
Quero guardá-los a todos cá dentro. Quero poder revisitá-los sempre. Senti-los, vê-los, ouvi-lo, cheirá-los, sempre.
Uma e outra e outra vez.
Porque não se repetem nunca e ainda bem.
Porque eu sei que todos esses momentos únicos foram proporcionados pelo universo, quando eu estive conectada, quando eu estive com a alma desnivelada de mim mesma.
Eu sei que universo girou e proporcionou esses momentos de uma forma que eles não se repitam jamais. É essa a forma que o universo tem de nós podermos valorizar o que ele faz por nós quando nós estamos em sintonia com ele. Quando a nossa alma e o universo são um só. O todo e a parte. Juntos fazem a magia acontecer em nossas vidas*
Ainda não tenho as fotos passadas para o computador... mas vou tomar a liberdade de as acrescentar aqui neste post nos próximos dias... Passem cá para ver as vistas*

3 comentários:

FavaRica disse...

Bom dia e bem vinda de volta ao Penedo! :-)
Que bom que vens (ainda) mais rica em watsu! Que serenas e felizes palavras!
Fico feliz por estares feliz e por estares de volta numa altura tão especial do ano*
Contamos contigo para fazer a festa (tardia...) no dia 17, para o final da tarde!
És uma das pessoas indispensáveis!
Beijinhos!!

Pipinha disse...

Amiga lindaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!!!
Este teu post emocionou-me... Tu tens um dom fantástico, muito especial para dares Watsu, e eu falo assim porque recebi de ti, dos teus braços, uma sessão e senti a minha alma levitar e o meu corpo a ser embalado de uma forma tão bonita, tão especial, tão carinhosa!! Imagino bem o que essas pessoas sentiram quando lhes deste a sessão... Uma vontade enorme de te abraçar e te agradecer pela forma maravilhosa como fizeste o corpo delas dançar e a forma carinhosa com que as embalaste. Foi isso que senti quando recebi o Watsu de ti.
Adoro-te amiga kida!!! Adorei estar contigo hoje e abraçar-te, já tinha tantas saudades tuas!!
Grito aqui para toda a gente ouvir: TU ÉS UM SER MARAVILHOSO!!!
Tenho muito orgulho em te ter como amiga!
Força amiga, continua com o teu sonho e nunca percas essa vontade de usar esse dom especial que tens!
Abraço enormeeeeeeeeeeeee e muitos beijinhos nessas bochechinhas kidas.

Angel of Light disse...

Lindo ser de luz... recebi, com muito agrado o "teu" Watsu, agora, aqui mesmo. Senti-me lá, contigo, a meditar, a partirmos as duas para o sítio de onde viemos - o Universo, a conectarmo-nos com a Fonte Criadora, o Pai/Mãe de todos nós. Senti que eramos um só. Somos todos um. Isto é o que faz a maravilha das palavras de um ser de luz... faz-nos voar...partir...sonhar... És linda!

Beijinhos de Amor, Paz e Luz!