17.12.08

A cor azul




Houve alguém que olhou para mim e viu azul...

Pintou-me dessa cor e falou-me dessa cor que trago por fora e por dentro.
E explicou o verde que não se vê. O verde em potência, em possibilidade.





Sou azul.
E sou da terra, não sou do céu.
Na altura, eu sabia só com o coração.
Mas, agora...

Houve alguém que olhou para mim e viu azul*

Mergulho no meu Mar azul, antes de adormecer e agradeço-lhe a minha cor.
Foi ele que ma deu.
Dentro do Mar há uma terra. Foi dessa terra que vim, um dia.
É a ela que regresso todas as noites*

Sem comentários: