23.8.09

hoje, montanha




...


...não sei porquê, mas acho que pode estar relacionado com a montanha.
Gosto da montanha.
Ela vive, respira, transpira e sempre, sempre está lá para podermos subir ou descer por ela.

Qualquer dos caminhos que façamos é bonito, porque é o caminho que 'nós' escolhemos fazer.
Mesmo o caminho mais dificil é bonito, porque a montanha nos dá prendas na subida, com belas paisagens, com belas palavras, belas vistas, com aquilo a que os nossos olhos passam a chegar, assim ao longe, assim de cima.

Não um 'cima' de supermacia ou de superioridade, mas antes um 'cima' de boca aberta e de olhos abertos para o maravilhoso da distância e da horizontalidade e verticalidade que aumentam... nessa subida, nessa montanha e noutra montanha.

E na descida a montanha mostra-se diferente.
Mostra, quem sabe, a saudade da subida, a saudade da beleza que dela se avista,
a saudade dessa lua, dessas setas prateadas, das estrelas que nos sintilam.

2 comentários:

cabreiro disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
mfc disse...

Sinto-me sempre melhor naquela solidão acompanhada do interior... apesar de ser da beira mar!
Escreveste um texto lindo.