14.7.10

há escamas que já não tenho na pele

mergulho após mergulho,
sinto-me cada vez menos Sereia*

E se os meus olhos não podem deixar de ver o Mar* a cada dia
e se o Sal é já a minha pele
e se a areia, as ondas, as rochas são já a minha casa

sinto-me menos água, agora
mas sinto-me mais funda.

*

Eu... que sempre disse que queria ser líquida.
E sou. Sou líquida, não sou sólida.

Sem comentários: